Ministério da Saúde - Centro Cultural da Saúde

Revista da Vacina

Jenner | Pasteur | Finlay | Koch | Lutz | Brazil | Cruz | Sabin

Personalidades

 

Carlos Chagas
(1878-1934)

Oswaldo CruzCarlos Ribeiro Justiniano Chagas nasceu a 9 de julho de 1878, na Fazenda do Bom Retiro, interior do estado de Minas Gerais. Foi o primeiro dos quatro filhos de José Justiniano Chagas e Mariana Cândida Ribeiro de Castro Chagas.

Aos oito anos, foi matriculado no Colégio São Luís, internato dirigido por jesuítas e localizado em Itu, interior de São Paulo. Em maio de 1888, ao ouvir boatos sobre escravos que estariam depredando fazendas, Chagas, preocupado com a família, abandonou o colégio e foi ao encontro de sua mãe. A atitude do rapaz foi mal interpretada pelos jesuítas e ele foi expulso do Colégio São Luís.

O menino foi estudar no Colégio São Francisco, em São João Del Rey, interior de Minas. Ali demonstrou interesse pelas ciências, especialmente por história natural, botânica e zoologia.

Uma pessoa que teve papel decisivo em sua vida foi seu tio Carlos, que o incentivou a ser médico, contrariando o desejo de Dona Mariana, que queria que ele seguisse a profissão de engenheiro.

Em 1897, Chagas ingressou na Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, onde duas personalidades foram essenciais à sua formação: Miguel Couto e Francisco Farjado. Com o primeiro, aprendeu a prática da clínica médica, mantendo estreita relação de amizade, que levaria o estudante de Medicina ao encontro com Oswaldo Cruz, seu futuro orientador. Com Francisco Farjado, Chagas estudou doenças tropicais, em especial a malária, tema que seria aprofundado em pesquisas realizadas no Instituto de Manguinhos.

Em 1903, após ter defendido sua tese de doutoramento, Chagas foi convidado a integrar o quadro de pesquisadores do Instituto dirigido por Oswaldo Cruz. No entanto, em 1904, o jovem médico preferiu trabalhar com a clínica médica, no Hospital de Jurujuba, destinado ao isolamento de vítimas da malária. No mesmo ano, casou-se com Íris Lobo com quem teve dois filhos, Evandro Chagas e Carlos Chagas Filho.

Em 1905, Chagas recebeu a missão de controlar a epidemia de malária em Itatinga, interior de São Paulo. A campanha de profilaxia antiamarílica, dirigida pelo jovem pesquisador, conseguiu em pouco tempo controlar o surto no estado.

Em fins de 1907, Carlos Chagas Trypanosoma cruzi
Trypanosoma cruzi
viajou para Lassance, norte de Minas, onde a malária devastava o acampamento dos trabalhadores da E. F. Central do Brasil. Instalou sua “casa” e seu “laboratório” em um vagão de trem. Ali, pesquisou os insetos hematófagos – barbeiros – alojados nas paredes de pau-a-pique das moradias. Encontrou neles um novo parasito, que chamou de Trypanosoma cruzi, em homenagem a Oswaldo Cruz.

Com a morte de Osvaldo Cruz em 1917, Chagas foi convidado a assumir a direção do Instituto de Manguinhos. No ano seguinte, chefiou a campanha contra a epidemia de gripe espanhola, que assolava o Rio de Janeiro. Sua incansável atuação na luta contra a enfermidade pesaria decisivamente na escolha de seu nome para dirigir a reforma dos serviços de saúde pública do país a partir de 1919.

Designado chefe do Departamento Nacional de Saúde Pública (DNSP), criou diversos serviços especializados de saúde, como os de Higiene Infantil, Combate às Endemias Rurais, Combate à Tuberculose, à hanseníase, às doenças venéreas. Criou ainda escolas de enfermagem e estabeleceu a formação de médicos sanitaristas. Em 1925 foi nomeado professor da Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro. Lá, criou a cadeira de moléstias tropicais e estabeleceu as bases do estudo de higiene em nosso país. Além disso, Carlos Chagas representou o Brasil em vários comitês internacionais, principalmente como membro permanente do Comitê de Higiene da Liga das Nações.

Carlos Chagas faleceu em 8 de novembro de 1934, vítima de morte súbita.

 

Fontes:

Saiba Mais:

 

Retrato de Carlos Chagas. Acervo Casa de Oswaldo Cruz / Fiocruz
Trypanosoma Cruzi aderido à celula muscular cardíaca. Foto de Helene Santos Barbosa, Ultraestrutura e Biologia Celular/IOC

Museu da Vida | Casa de Oswaldo Cruz | Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos Bio-Manguinhos | Fiocruz | Ministério da Saúde

Valid XHTML 1.0 Transitional

Valid CSS!