Sidney Hall – Urania's Mirror – Cancer

Uma doença pouco conhecida

A figura do caranguejo passou para a história como a representação típica do câncer. Essa associação teve origem na Grécia Antiga. Segundo imagina-se, relaciona-se ao fato de as veias saltadas de áreas afetadas por tumores, algumas vezes, se assemelharem à silhueta das patas do animal.


Independentemente dos nomes atribuídos à doença, o que mais se destaca em sua história é o medo a ela relacionado. Por muito tempo, câncer foi sinônimo de morte, impingindo um pavor tão intenso que fazia com que se evitasse seu nome.


Papiro de Edwin Smith, cerca de 1700 a C. O documento encontrado no século XIX, é o primeiro a fazer referência a ulcerações mamárias, possivelmente câncer.




Embora conhecido desde a antiguidade, durante muito tempo, quase nada se sabia sobre o câncer, e era nula a capacidade da medicina em evitar o sofrimento e as mortes que causava. Pouco percebido pela sociedade, fazia parte de um grande rol de doenças, atribuídas à velhice, que causavam sofrimento, estigma e morte aos doentes. Às suas vítimas, só restavam o sofrimento e, em alguns casos, o consolo vindo de cuidados médicos ou religiosos.


No passado, o câncer foi visto como uma doença que afetava principalmente as mulheres. Tal fato se devia à maior percepção dos cânceres femininos, como o de mama e o do colo do útero. As lesões causadas pelo câncer de mama eram mais fáceis de identificar do que as provocadas por outros tumores, enquanto o câncer do colo do útero era reconhecido pelas fortes dores no ventre, sangramento e odor, características de seus sintomas mais avançados.



Betsabá com a carta de Davi. Rembrandt van Rijn (1606-1669). Em 1967, um cirurgião italiano observando esse quadro “notou uma assimetria da mama esquerda, com retração na pele, alteração da cor e inchação da axila”. A pesquisa subsequente lhe mostrou que a modelo de Rembrandt morrera nove anos após a conclusão do quadro, vítima de um longo e debilitante sofrimento, que ele conjecturou em artigo se tratar de câncer de mama.